Na terça feira, Margot Robbie, Nicole Kidman e Charlize Theron visitaram o programa da Ellen Degeneres para divulgar o novo trailer de Bombshell. O trio falou sobre o filme e também se divertiu com jogos para arrumar um namorado para Charlize e para arrecadar fundos para a saúde da mama. Confira vídeos legendados por nossa equipe:

A revista The Hollywood Reporter elegeu Margot Robbie como uma das 100 pessoas mais poderosas da indústria do entretenimento em 2019! A atriz e produtora também esteve presente na lista do ano passado. Confira uma rápida entrevista para comemorar o título:

Ela é da equipe da Fox News no drama de Jay Roach sobre Roger Ailes, O Escândalo, e a louca vigilante Harley Quinn em Aves de Rapina da DC Comics. A estrela de 29 anos, que interpreta Sharon Tate em Era Uma Vez em Hollywood de Quentin Tarantino, também se tornou uma produtora de sucesso – com seu filme da DC e a comédia do Hulu, Dollface.

UM TALENTO (FORA DA SUA PLATAFORMA) QUE VOCÊ ADMIRA:
Francisca Alegria and Emerald Fennell

UM PODCAST PARA UMA LONGA VIAGEM:
The High Low

O ÚLTIMO APLICATIVO QUE ALGUÉM COM MENOS DE 13 ANOS PRECISOU EXPLICAR PARA VOCÊ:
TikTok

VOCÊ ENCONTRA O IPHONE DE BOB IGER. PARA QUAL CONTATO VOCÊ LIGARIA?
Eu provavelmente iria devolver para ele e ver qual IP da Disney eu conseguia colocar minhas mãos.

Fonte | Tradução & Adaptação: Equipe Margot Robbie Brasil

A primeira exibição de Bombshell, filme com Charlize Theron, Margot Robbie e Nicole Kidman no elenco, aconteceu ontem (13) em Los Angeles para convidados especiais. O filme foi altamente aclamado por todos que viram, os destaques sendo o roteiro poderoso e as performances principais. Abaixo, separamos o que estão falando sobre a performance da Margot e as fotos do evento:

The Playlist: Por que Diane Lane, Andie MacDowell, Cara Delevingne e Gloria Allred estavam no cinema Pacific Design em West Hollywood na noite de domingo? Esses membros do SAG e AMPAS estavam com inúmeros dignatários da indústria e membros da imprensa para a primeira exibição “pública” de Bombshell, de Jay Roach. E sim, o título do filme é mais do que apropriado não só para o assunto como para o trio de performances que mais que satisfazem o hype.

As críticas oficiais estão em embargo até dezembro (veremos até quando isso dura), mas podemos certamente confirmar que o filme conta a queda de Roger Ailes (John Lithgow) do topo da Fox News. O roteiro de Charles Randolph é em sua maior parte contada da perspectiva da âncora da Fox News, Megyn Kelly (Charlize Theron) e um segmento fictício pela produtora Kayla Pospisil (Margot Robbie) antes de explorar os eventos bombásticos após um processo de assédio sexual aberto por Gretchen Carlson (Nicole KidmanHarvey Weinstein um ano depois e o começo do movimento #MeToo.

Robbie,que também estava fantástica como Sharon Tate em Once Upon a Time in Hollywood de Quentin Tarantino no começo do ano, está ainda mais impressionante nesse filme. Ela faz você acreditar que Pospisil foi uma figura real no procedimento (ela é, na verdade, uma composição baseada nas entrevistas que Randolph conduziu) e completamente arrasa em uma das cenas mais emocionantes do filme. Em teoria, ela seria a maior escolha para vencer Melhor Atriz Coadjuvante no Oscar, mas Laura Dern em Marriage Story e (potencialmente) Florence Pugh em Little Women (potencialmente) possuem uma palavra enorme nessa corrida. Colocando de forma simples, podemos afirmar que esse é o melhor trabalho da carreira de Robbie e sim, isso significa que ela está melhor nesse do que em I, Tonya.

Quanto ao resto do elenco, Lithgow é bom o bastante para ganhar uma indicação de Melhor Ator Coadjuvante por seu papel como Ailes, mas essa é uma categoria tão competitiva nessa temporada (banho de sangue não é um exagero) que ele pode não entrar. Kate McKinnon, Connie Britton, Allison Janney, Alice Eve, Mark Duplass, Rob Delaney e Malcom McDowell (como Rupert Murdoch, não menos) proporcionam performances memoráveis com, alguma vezes, pouco tempo de tela. Se essa não é a definição de um indicado a Melhor Elenco no SAG Awards, não sei o que é.

O roteiro inteligente de Randolph parece um fácil indicado em Roteiro Original para o antigo ganhador do Oscar. Esse trabalho escrito junto com o elenco e o fato de que a mensagem desse filme vai fazer tanto sentido para alguns, parece que Bombshell será um dos indicados a Melhor Filme. A estética diretorial de Roach não é tão sofisticada como Adam McKay exibiu em A Grande Aposta (escrita por Randolph) e Vice, mas como esses indicados, as performances e o assunto devem ressoar com a Academia.

Bombshell está atualmente agendado para estrear nos Estados Unidos no dia 20 de dezembro. Considerando o assunto e potencialmente o início de uma conversa sobre o tratamento da mulher em seu local de trabalho, você se pergunta se não deveria estrear muito, muito mais cedo. Quero dizer, não iríamos aproveitar Knives Out no Natal em vez do dia de Ação de Graças? É tarde demais para trocar as datas? Só um pensamento.

Variety: Charlize Theron estrela como Megyn Kelly enquanto ela pensa sobre ir a público com alegações de que foi abusada sexualmente por Ailes. Nicole Kidman interpreta Gretchen Carlson, a antiga âncora da Fox News cujo processo contra Ailes por abuso sexual desencadeou uma série de eventos que eventualmente o fizeram ser demitido da Fox por Rupert Murdoch. No elenco também estão John Lithgow como Ailes e Margot Robbie, uma produtora fictícia baseada em várias mulheres que foram abusadas por Ailes.

Kidman pode terminar com uma indicação em Atriz Coadjuvante. Enquanto o trabalho de Robbie foi elogiado e pode dar uma indicação em Atriz Coadjuvante para ela, ela pode encontrar problemas para ganhar força porque os votantes podem não ter tanta empatia com sua personagem por não ser real como Kelly e Carlson.

Bombshell tem mais do que uma boa chance de conseguir uma indicação em Melhor Filme com Roach conseguindo uma por indicação e Charles Randolph uma por roteiro original.

Sem dúvidas de que o filme possa ressoar com os votantes enquanto Hollywood continua a enfrentar problemas de assédio sexual e má conduta assim como igualdade de gênero. Mas a Lionsgate ainda tem muito trabalho a fazer, especialmente convencendo votantes que não gostam da verdadeira Kelly de que um voto para Theron não é um apoio para a antiga âncora e suas políticas.

Durante a conversa, Robbie compartilhou seus pensamentos sobre o que a história de Bombshell representa.

“Eu reconheci que você chega em um certo lugar na sua carreira e você de repente possui poder e influência e pode fazer alguma coisa. E é importante se analisar e perguntar, ‘Como estou usando esse poder que eu tenho e eu estou fazendo algo com isso?'” Robbie compartilhou. “E você percebe que não precisa ter um grande poder para fazer a diferença, que você tem uma voz e pode fazer algo e as mulheres estão fazendo.”

Tradução & Adaptação: Equipe Margot Robbie Brasil

Margot Robbie está na capa da revista do site The Hollywood Reporter ao lado de seu cabeleireiro Bryce Scarlett e sua maquiadora Pati Dubroff em uma edição especial dedicada às equipes de beleza dos famosos. Confira mais:

O grande momento glamuroso do trio não foi destinado para o tapete vermelho, mas para o aniversário de Robbie, que caiu durante a semana de moda de Paris em julho, “Perucas, muito glitter, amigos doidos – foi uma grande festa de 29 anos,” diz a estrela de Once Upon a Time in Hollywood. “Eu não preciso de uma de 30.” Anunciada como embaixadora da nova fragrância da Chanel em maio, Robbie acha que sua equipe de quatro anos é “visionária.” Scarlett, que é embaixador da Moroccanoil, reconhece que ele está “sempre morrendo para sair dos limites e tentar looks que ninguém mais está fazendo,” e Dubroff dá créditos para Robbie por “permitir muita expressão criativa.” Sobre a tour de divulgação de Bombshell, Dubroff divulga somente que “a vibe vai ser um tanto diferente do que iremos fazer para Birds of Prey,” se referindo ao filme que Robbie estrela como Harley Quinn com estreia planejada para fevereiro.

LOOK FAVORITO DO TAPETE VERMELHO: Robbie diz que o look do Screen Actors Guild Awards em janeiro “deu o pontapé inicial para o tema Lauren Hutton que eles improvisando neste ano, adicionando: “Existe uma qualidade natural nela que estávamos buscando.” Para Scarlett, isso traduziu em um cabelo dividido ao meio “elegante e completamente natural,” enquanto para Dubroff, que trabalhou com Hutton, o look se manifestou em camadas de dourado nos olhos e lábios cor de pêssego.

Enquanto divulgada Once Upon a Time in Hollywood, a equipe buscou a personagem de Robbie, Sharon Tate, com cabelo e maquiagem inspirados nos anos 60. Como algumas vezes acontece em tapetes vermelhos, a premiere de Londres do filme em julho estava notavelmente molhada e ventosa. Robbie relembra, fotografada com sua equipe no dia 11 de setembro em Los Angeles, “As fotos ficaram ótimas, mas na realidade o vestido Oscar de la Renta estava encharcado e o meu cabelo estava no meu rosto o tempo inteiro.”

Fonte | Tradução & Adaptação: Equipe Margot Robbie Brasil