Margot Robbie contou em uma entrevista para o Standard que sua pesquisa para sua personagem Annie, em Terminal, a levou para lugares obscuros. Confira:

Margot Robbie disse que pesquisar serial killers para seu último papel a levou para “lugares obscuros”.

A atriz, 28 anos, interpreta uma femme fetale no suspense Terminal. Sobre sua pesquisa, ela contou para o Standard: “Eu pesquisei sobre sociopatas, o que foi sinistro.”

“A preparação para os papéis realmente levam você para esses lugares escuros. Você nem sempre quer colocar tudo na tela, é difícil de assistir. Algumas vezes, isso fica com você, em outras se vai rapidamente.”

O filme segue os assassinos interpretados por Max Irons e Dexter Fletcher, Simon Pegg como um professor, um faxineiro interpretado por Mike Myers, e assassina e garçonete Margot Robbie.

Ela disse, apesar da história obscura, que o elenco brincava e saiam para os parques em Budapeste, quando ela ensinou Myers a “beber de dia”.

A estrela australiana produziu Terminal com sua empresa LuckyChap Entertainment, que ela começou com seu marido Tom Ackerley e amigos em 2014.

Eles também produziram I, Tonya que deu a ela sua indicação ao Oscar.

Ela disse que ama trabalhar atrás das câmeras, mas nunca conseguiria fazer isso permanentemente.

“Eu não conseguiria parar de atuar,” ela disse. “Eu amo e sinto falta quando não estou fazendo isso, então eu acho que eu nunca conseguiria parar, mas eu amo produzir e desenvolver roteiros.”

“Fazer esse filme foi assustador, sempre é. Mesmo com papéis pequenos eu fico com medo, e logo antes eu fico ‘Ai meu Deus, eu não sou boa, eu não vou conseguir’, mas quando você chega lá, você adora.”

Fonte | Tradução & Adaptação: Equipe Margot Robbie Brasil